Loading...

terça-feira, 4 de maio de 2010

Astros e suas curiosidades


Os astros são todos os corpos existentes no espaço,o sol é uma estrela e pelo que se pode comprovar é a estrela mais próxima é nossa fonte de luz e de vida, basicamente é uma enorme esfera de gás incandescente é no seu núcleo que acontece a geração de energia através de reações termo-nucleares.Temos também as constelações, são os grupos de estrelas, os planetas corpos celestres orbitando nas galáxias e os meteoritos fragmentos de corpos sólidos naturais.
Os astros são componentes do espaço que nos trás muitas curiosidades e nos faz buscar cada vez o conhecimento através de grandes pesquisas.Das varias opções para pesquisa os meteoritos que vindos do espaço podem penetrar na atmosfera terrestre, se incandescem pelo atrito com o ar, a chegada de um meteorito é anunciada pela passagem de um grande meteoro (bólido), chiado e estrondos cacofônicos. A maioria dos meteoritos recebe o nome da cidade ou localidade mais próxima de onde foi recuperado facilitando, assim, sua localização, quando a queda do meteorito é assistida ou se sabe a data em que ele caiu, ele é tido como queda, se for encontrado no campo sem estar relacionado a qualquer evento é considerado um achado.Os termos meteoros, meteoróides e meteoritos são sempre muito confundidos. Resumindo temos: um meteoróide é um corpo sólido que seja muito pequeno para ser chamado asteróide ou cometa, que gira ao redor do Sol, ainda no espaço interplanetário.
O termo meteoro é usado para descrever a faixa de luz produzida conforme matéria do sistema solar entra na atmosfera de Terra se incandescendo pelo atrito com as partículas de ar. Um meteorito é um meteoróide que sobrevive a passagem atmosférica em forma de meteoro e alcança a superfície da Terra. Os meteoritos podem ser classificados em: pétreos, formados basicamente de material rochoso, metálicos também chamados de sideritos formados, basicamente da liga metálica ferro-níquel e dos siderolitos, que são meteoritos compostos das duas fases metálica e pétrea. Podemos distinguir os meteoritos também além da composição por sua natureza primitiva ou diferenciada como veremos posteriormente.A atmosfera terrestre é bombardeada, continuamente, por milhares de meteoritos, estima-se que a Terra seja acrescida diariamente de cerca de 1000 toneladas de material cósmico, dos mais variados tamanhos desde poeira cósmica até meteoritos maiores com alguns kg. Os impactos de grandes meteoritos formadores de crateras são, no entanto, muito raros.
A composição de um grupo especial de meteoritos, os carbonáceos, contém compostos carbônicos complexos que podem ter sido a “semente” da vida na Terra. Algumas extinções em massa, como a dos dinossauros há 65 milhões de anos, estão ligadas a quedas de grandes meteoritos, assim como também a origem e evolução da vida está ligada ao estudo dos meteoritos.
A meteorítica, ciência que estuda os meteoritos, crateras e meteoros, tem adquirido uma nova importância à luz da era espacial. Os meteoritos são formados de material primitivo, sendo como verdadeiros “fósseis” do Sistema Solar, viajantes do espaço e do tempo, revelando as condições sob as quais o Sol e os planetas se formaram.


http://www.meteoritos.kit.net/quesaometeoritos.htm

Nenhum comentário:

Postar um comentário